Amor, doce amor!


O
sol nem havia raiado direito e eu já encontrava-me acordada. Levantei desprendida de preguiças, cama forrada com colcha bonita. Caminho até a janela, avisto meus queridos girassóis.
Céu azul sem nenhuma fofa nuvem.
Vou pra cozinha fazer café. Café tomado me deparo com uma questão, hoje é o dia que meu amor vem. De carro ou de trem nem sei, mas sei que vem! Ligo o rádio só para embalar a sensação gostosa que já sentia mesmo antes de vê-lo apontando lá de longe.
Sorrio com o refrão da melodia que tocava... Ela só quer, só pensa em namorar. Ela só quer, só pensa em namorar.
Pego todos os ingredientes para o preparo do bolo de cenoura, o favorito dele. Enquanto assa no forno, vou pro banho. Deixo a água fria me molhar por inteira.
De volta ao quarto, abro o guarda-roupa a procura de algo que alegre meus olhos e os do meu bem.
Coloco um vestido de estampa singela no comprimento dos joelhos.
Bolo pronto com direito a cobertura de chocolate espera por ele em cima da mesa.
Eu. Perfumada, com os pés livres de sandálias e flor de crochê nos cachos. Fico sentada nas escadas da varandinha, olhos fixos no portão branco de madeira.
Me distraio por um instante com um passarinho, e eis que ouço minha canção favorita sendo assobiada. Era ele que chegara! Sorriso galante e margarida em mãos.
Corro ao seu encontro e pulo em seus braços. Ele cola os lábios nos meus. E sussurra doçuras ao pé do meu ouvido.
Entramos em casa de mãos entrelaçadas. Cheiro bom! Ele diz sorrindo. No que eu respondo. É do seu bolo favorito. Ele me corrigi com um sorrisão. Falo do teu perfume, morena.
Sorrio boba em resposta.
O levo até a cozinha, apreciamos o bolo juntos. Ele come mais de um pedaço.
De repente meu amor tira uma caixinha do bolso, se põe de joelho... E diz três palavras bonitas.
Quer casar comigo?! Num misto de choro e riso, respondo... Claro que sim!
Selamos o pedido com beijos e café.
Era tão bom tê-lo por perto. Fica tanto tempo no mar, por conta do trabalho.
Que quando vem, sinto festa com direito a música e confetes dentro de mim.
O levo até o portão, trocamos mais alguns beijos. Ele pega uma lágrima minha que escapuliu, e diz... Não chora por favor, senão tudo fica cinza ao meu redor. Sorri morena! Que eu gosto assim.
Sorri largo para a alegria dele. Lembra sempre que te amo, tá?! Peço com voz mansa.
Impossível esquecer do amor, daquela que faz eu sentir borboletas dançando em meu estômago.
Sorrimos juntos, nos beijamos e eu vi meu querido se afastar cantarolando agora nossa canção favorita.
Olhei para minha aliança, minhas unhas pintadas da cor da paixão... Mas é amor que envolve meu coração!

11 comentários:

  1. Confesso... tava com saudade de te ler. Meus dias estão corridos e eu sinto falta de poder te ler. Não li o post atual ainda, mas vou ler. Porém, antes deixa eu comentar o seu comentário. Nó... em relação ao que eu escrevi ehhe acho q se vc fosse homenzinho, desse jeito lindo vc escreveeu ia me apaixonar pela primeira vez por um homem hahehehe nó... e pior que escrever isso td é louco de pensar hahaha Bom, MEU homem lindo em forma de mulher, esta sua amiga em forma de homem vai ler seu post heeh TE AMOOOOOOOOOOOOOO!!! Já venho heeh! ^^

    ResponderExcluir
  2. Sinceramente. Me sinto sempre sentado numa poltrona, numa espécie de sala escura onde a luz vem da grande tela onde assisto tuas palavras ganharem status de IMAGENS na minha mente. Vejo a moça linda, dos girassóis... levantar, cheirosa, perfumada e leve se encontrar em pensamentos e verdades com o amor da sua vida que em breve, até o final da narrativa irá lhe pedir em casamento. E quanta doçura nestas cenas, palavras e no seu coração!
    Amiga... quero viver uma história assim, exatamente assim como vc descreveu... é assim q eu sonho!!! Te ler é bom por todos os motivos Joy! Se cuida.. adoro seus textos e agradeço demais pela paciência, carinho e amizade! Bjokas!!!

    ResponderExcluir
  3. Ah!
    E é tão bom esse amor, né?

    Beijo.

    ResponderExcluir
  4. Ownnn Joy!!
    Como vc é linda!

    Mas eu falei sérioooo viu, meu amigo menina!!! heheh Na verdade já me vi pela primeira vez apaixonado por um lindo altinho em forma de menina( na verdade, vc não tem nada de masculino mas sim, tem aquilo q td homem deveria ter pra pelo menos tratar a mulher com respeito e dignidade ).
    Adoro brincar com essas coisas hehehe razão pela qual mtas amigas me chamam de amiga e mta gente confunde achando q eu sou menos homem... ou nem sou ahhaha
    Quer saber? Não ligo! Amo a vida...e pessoas como vc tb! Amo demais a tua sensibilidade e te quero perto pra vida toda!! Luz e Paz mocinha preciosa..
    Queria ser um girassol!!!

    Beijinhoooo... eu voltarei! ^^

    ResponderExcluir
  5. "Relato fictício de um sentimento real". Gostei disso! E gostei muito do teu conto tb, mocinha. Você tem talento, viu? Aproveita!!!

    :)

    ResponderExcluir
  6. que lindoooooo!!
    *-*
    isso sim é que é pedido de casamento!
    hehee'


    adoreeei!
    ah, linda imagem ^^

    ResponderExcluir
  7. Poxa, Joy...
    que coisa mais linda.
    Sinto tanta falta dos dias que eu sorria assim, as coisas já não são como antes...
    Enfim, eu achei a coisa mais linda que já li aqui. ♥
    Beijos.

    ResponderExcluir
  8. Nossa amei , muito muito fofo *-* Esse homem é tão romântico e fofo que me pergunto se existe algum assim HUSDHSD mas que foi lindo foi , e me fez suspirar aqui , sou uma romântica icorrigível \z HUSDHSUD

    ResponderExcluir
  9. OLA FROR, COMO VAI AMEI SEU BLOG D EVERDADE SUPER CRIATIVO, VI QUE VC ADORA LER NEH? TBM EH MINHA PAIXAO TE SEGUI NO GGOLE FRIENDS CONECT ADORARIA QUE ME SEGUISSE TBM BEIJOSS

    ResponderExcluir
  10. AHH, cara, você escrfeve tãããoo beem *-*

    Esse texto ficou perfeito, eu amei mesmo, fora que eu amo textos românticos...

    Beeeijos :*

    ResponderExcluir
  11. To ausente estes dias mas não esqueço de vc minha amiga tão querida sempre! Beijo Joy!!

    ResponderExcluir

- Comentários moderados. Não aceito nenhum que seja anônimo.

- Não faça propaganda, se quiser deixar seu link é só comentar fazendo uso da opção nome/url

Obrigada e volte sempre! Paz!