Essencial.

"- Adeus, disse a raposa. Eis o meu segredo. É muito simples: só se vê bem com o
coração. O essencial é invisível para os olhos.
- O essencial é invisível para os olhos, repetiu o principezinho, a fim de se lembrar.
- Foi o tempo que perdeste com tua rosa que fez tua rosa tão importante.
- Foi o tempo que eu perdi com a minha rosa... repetiu o principezinho, a fim de se
lembrar.
- Os homens esqueceram essa verdade, disse a raposa. Mas tu não a deves
esquecer. Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas. Tu és responsável pela rosa...
- Eu sou responsável pela minha rosa... repetiu o principezinho, a fim de se lembrar." (Capítulo XXI)



Manhãs de céu azul, acompanhado por algumas fofas nuvens.
É o modo como o vento brinca com as folhas da árvore, o chá quentinho sendo apreciado no quintal.
Enquanto o sol esquenta o rosto de um jeito agradável. Um bom livro sendo lido deitado na rede.
Sorvetes, muitos sorvetes no verão! Bolinhas de sabão.
Poesia. Música predileta. Banho de chuva, cantar desafinado no chuveiro.
Andar tranquilo em meio à correia de tantos. Risos, sorrisos. Felicidade!
Os bons e antigos amigos. Novas amizades. Esperança.
Admirar estrelas. Sinceridade. Acreditar sempre!
Sonhos. Relembrar bons momentos. Conversas longas durante a tarde.
Abraços, beijos, mãos dadas. Passeios.
E não sei mais quantas coisas boas.
Eis essencial para a que vos escreve.





Postagem coletiva.

7 comentários:

  1. Realmente muito legal Joy.
    O essencial é tudo.

    Pena que não pude participar, mas o Pequeno Príncipe é o mais poético dos livros.

    ResponderExcluir
  2. Adoro Pequeno Príncipe. Sabe que há pouco tempo meu blog se chamava "Não solta a minha mão nunca, tá?!" e o meu cabeçalho era uma imagem do próprio, feito por uma amiga minha. O essencial é o que temos de mais valioso!
    beijos

    ResponderExcluir
  3. Ah, eu adoro ler teus textos, sério.
    São tão lindos, tão carinhosos.

    Essencial pra mim são essas coisas doces que tu citaste, entre outras, claro.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  4. ''O pequeno príncipe'', único, maravilhoso e essencial. Adorei o seu post! Bjs

    ResponderExcluir
  5. Acho um delícia vir aqui e ler esses textos tão fofos, vc arrasa Joyce!

    Um bjo bem doce;**

    ResponderExcluir

- Comentários moderados. Não aceito nenhum que seja anônimo.

- Não faça propaganda, se quiser deixar seu link é só comentar fazendo uso da opção nome/url

Obrigada e volte sempre! Paz!